segunda-feira, 3 de novembro de 2008

O DIA DE "HOJE" !



Muitas vezes caminhamos pelo passado e esquecemos do dia "de hoje" e ao tentar alcançar o futuro novamente o hoje ficou para trás . Um trecho de uma criança sofrida detalha a necessidade do seu ombro forte a acolher e defender da dificuldade que é viver. Muitas não tem este privilégio e com isso o respeito é enterrado cada vez mais , diante das familias deterioradas pelos relacionamentos de momento. Este primeiro passo que meu filho deixa seu desabafo é um momento de reflexão , pois pedi a ele para detalhar o que se passava no seu dia de tão importante e então somou-se estas palavras . Existe o segundo momento que ele também escreveu e por ser mais dolorido deixo este a retratar que sempre devemos estar ativos ao dia de "hoje" de uma criança...


Acordei, com o barulho da bicicleta do meu pai, que havia chegado do trabalho. Levantei rapidamente. Pedi a sua benção e perguntei se iríamos andar de bicicleta. Ele disse talvez. Por quê? Porque estava cansado do trabalho. Então, fui lavar o rosto e tomar meu café. Enquanto o meu pai dormia, liguei o vídeo game e depois fui à casa de meu primo Leonardo brincar.Depois ele foi para o colégio e fiquei triste, porque eu estava sem ninguém para brincar.Mas eu sabia que ele voltaria mais tarde.Já era quase no horário do almoço.Então minha avó pediu para acordar meu pai para almoçar.Ele acordou ainda sonolento , foi ao banheiro lavar seu rosto.Fomos almoçar e depois assistir TV . A tarde fomos comprar pão para tomar café, quando retornei da panificadora com meu pai o Leonardo já havia chegado , fiquei muito feliz . Brincamos bastante e perguntei se queria andar de bicicleta. Ele pediu para seu pai se podia andar de bicicleta.O pai do Leonardo deixou e então fomos falar com o meu pai para ir junto. Pedalamos muito e ao chegar em casa fui tomar banho para jantar e descansar. O dia de hoje foi assim.


Autor:Roberto
Colaboradores: Marilice e o meu pai


Curitiba, 30 de novembro de 2007

Se você gostar escreva também que eu tenho certeza que a sua mãe irá gostar.

Obs. - meu sonho é criar o dia de hoje nas escolas . Sei que é uma caminhada dura e dificil , mas aos poucos surgirá...

2 comentários:

  1. Fico feliz por você ter uma vida tão participativa com seu filho, em seus momentos de folga....se todos os pais assim procedessem, talvez, não se perderia tantos filhos para as drogas,as penitenciarias não estariam superlotadas,a FEBEM não teria motivo para existir.. eu também decidi dirigir o mundo diretamente de meu lar, para não deixar o meu filho em solidão, ser mais participativa e hoje ele já com seus 20 anos, não tem nenhum tipo de vício,caseiro e amoroso, não precisa buscar satisfações ilusórias,pelas ruas da cidade perambulando a esmo, é isto aí amigo seja sempre este pai participativo e colherás bons frutos...parabéns querido poeta guerreiro..parabéns e que Deus conserve e abençoe cada dia...ei!!! não desista de seus sonhos...caminhe, insista...você chegará lá...

    ResponderExcluir
  2. Realmente maravilhoso...pena q a maioria dos pais ñ tem tempo prá seus filhos...escutei do pai do Ste...o sequinte:"Nossa !! PERDI, ñ vi meu filho crescer...e é isso mesmo q acontece...qdo vc ve...o tempo passou e ñ volta mais...o tempo das fraldas...das traquinagens...das descobertas...então te digo: Viva intensamente cada minuto que puder,com teu filho...seja companheiro...brinque...marque presença...escute...dê risada...chore...abrace...beije...e vc escutará com certeza..."meu pai tinha TEMPO prá mim...Que Deus te ilumine sempre !!! Bjss

    ResponderExcluir

Licença de direitos autorais(leia com atenção). Ao copiar textos, lembre de acrescentar os créditos. Licença Creative Commons
This work is licensed under a Creative Commons Attribution License.